Cirurgia de Presbiopia

Cirurgia de Presbiopia

Idealmente a correção da presbiopia tem como objetivo melhorar a visão de perto sem piorar a visão de longe em ambos os olhos, entretanto, infelizmente os procedimentos cirúrgicos nesta área não conseguem entregar essa tão desejada correção com boa previsibilidade e segurança, podendo funcionar muito bem em um paciente e em outro não obter sucesso.

Existem plataformas de correção utlizando Laser, como feito para correção de grau, que consegue modificar a córnea e possibilitando multifocalidade (longe e perto), entretanto, esse tratamento vem acompanhado de sintomas visuais desconfortáveis, como por exemplo, visão de halos à noite ao dirigir, insuficiência de leitura de perto com letras menores e/ou diminuição da visão de longe.

Embora não exista então uma correção perfeita com segurança e previsibilidade, podemos sim oferecer aos nossos pacientes correções que podem diminuir ou eliminar a necessidade de óculos e são elas:


Cirurgia a laser com a Técnica de Monovisão


Indicação:
Em geral, pacientes présbitas entre 40 e 50/55 anos de idade

Técnica:
Um olho é corrigido para longe (se necessário) e outro para perto com aplicação de Laser.

A técnica de corrigir um olho para cada distância é antiga e muito bem consagrada em Lente de Contato e reproduzida igualmente na cirugia a laser.

Seleção de Pacientes:
O paciente é solicitado a usar uma Lente de Contato por aproximadamente 01 semana, sendo um olho corrigido para longe e outro para perto para melhor simular o resultado da cirurgia. Se ao final da semana, houver algum desconforto, o paciente pode não ser um bom candidato, entretanto, na maioria das vezes, a satisfação é grande, e esta se confirma após a realização da cirurgia

Vantagem:
Essa é uma técnica que reduz dramaticamente a necessidade de óculos ao redor de 88 a 90% dos casos, e com boa qualidade de imagem quando o cérebro é capaz de suprimir a imagem do outro olho que não está no mesmo foco, daí a utilidade de se fazer o Teste De Lente De Contato, e se necessário, os óculos e lentes de contato poderão sempre auxiliar em situações pontuais após a cirurgia

Desvantagem:
Alguns pacientes referem discreta perda de foco e profundidade por ter apenas um dos olhos com foco para cada distância específica, podendo levar a um desconforto em ambientes de pouca luz, nestes casos, os óculos possibilitam conforto. Com o passar dos anos é esperado que haja uma necessidade de correção para perto com nova cirurgia ou mesmo óculos.


Cirurgia de Troca do Cristalino por Lente Intra-Ocular Multifocal

Indicação:
Em geral, pacientes présbitas acima de 55 anos de idade

Técnica:
O cristalino é substituído por uma lente intra-ocular de vários focos (bifocal, trifocal, multifocal, foco extendido) responsável por efetuar o foco de longe e perto, como fazemos na cirurgia de catarata.

Seleção de Pacientes:
O ideal é aquele paciente que já percebe que apesar de conseguir enxergar à distância e perto quantitativamente, refere que a qualidade da imagem é insatisfatória. Isso ocorre pelo próprio envelhecimento do cristalino, que é uma lente natural com a qual nascemos cuja função é focar a imagem.

Vantagem:
Proporciona ao paciente uma redução enorme na dependência dos óculos ao redor também entre 88 a 90% dos casos. Neste caso, não há nenhuma modificação da córnea sendo assim mais preciso e com o passar do tempo não perderá sua função pois a lente intra-ocular implantada não modifica sua potência ao longo dos anos.

Desvantagem:
A principal desvantagem visual deste procedimento é a presença de sintomas visuais como ofuscamento e halos ao redor de luzes principalmente à noite, em muitos casos, o paciente consegue enxergar todas as distâncias sem óculos, porém com qualidade insatisfatória em relação à sua expectativa.

*** IMPORTANTE***

  • Não existe um tratamento perfeito e garantido;
  • Em alguns casos, é necessário mais de um procedimento;
  • Alguns pacientes, não podem operar por apresentarem contra-indicações oculares ou psicológicas (compreensão do procedimento).